Judô Ibirité, Minas Gerais

Judô em Ibirité. Encontre aqui telefones e endereços de centros esportivos e lazer em Ibirité que oferecem dicas e informações sobre Judô. Encontre também lojas de artigos esportivos em Ibirité.

Clube dos Metalurgicos
(31) 3398-5319
Rua Nossa Senhora da Conceição 1915
Contagem, Minas Gerais
 
Rotary Club de Contagem
(31) 3395-2255
Avenida Olímpio Garcia 430 - 3
Contagem, Minas Gerais
 
Clube Eldorado
(31) 3351-0310
Rua José Olinto Fontes 1957
Contagem, Minas Gerais
 
Campestre Yucca Clube
(31) 3398-1066
Rua Coronel Augusto Camargos 702
Contagem, Minas Gerais
 
Cepe Clube dos Empregados da Petrobras
(31) 3577-9322
Rodovia MG-40 km 427
Ibirité, Minas Gerais
 
Clube Recreativo Arvoredo
(31) 3398-3588
Rua Domingos do Sítio 455
Contagem, Minas Gerais
 
Itapoa Parque Club Ltda
(31) 3533-4813
Rua Alcina Campos Taitson 261
Ibirité, Minas Gerais
 
Seven Daysvacation Club
(31) 3396-0659
Rua Marte 160
Contagem, Minas Gerais
 
T Kits Club
(31) 3391-5233
Rua Sevilha 110
Contagem, Minas Gerais
 
Minas Aqua Play
(31) 3351-2330
Via Expressa de Contagem 2001
Contagem, Minas Gerais
 

Judô

O Judô é uma arte marcial japonesa.O professor de Educação Física Jigoro Kano criou, em 1882, uma arte marcial com o objetivo de desenvolver uma técnica de defesa pessoal e também aprimorar o físico, a mente e o espírito. Com isso, o Judô, nome que o japonês deu ao esporte, conquistou adeptos rapidamente no Japão e, em pouco tempo, se espalhou pelo mundo. Jigoro Kano reuniu a essência de outra arte marcial, o jujútsu, com outras lutas praticadas no Oriente para aprimorar sua criação. O jujútsu foi uma arte praticada pelos cavaleiros durante o período Kamakura, entre 1185 e 1333. Este período marcou o primeiro xogunato no Japão, ou seja, fase em que um general assume o poder e relega o imperador a uma imagem meramente ilustrativa. Esses cavaleiros praticantes do jujútsu eram chamados de bushi, mas essa arte marcial de longa data estava em baixa no decorrer do século XIX. Kano reuniu uma forte tradição marcial japonesa com modalidades modernas e em ascensão no Oriente para criar o Judô. Assim, sua invenção repercutiu fortemente e foi considerada como desporto oficial do Japão no final do século XIX. Com muita importância na terra do sol nascente, o Judô só chegou à Europa em 1918, quando foi inaugurado o primeiro clube em Londres, Inglaterra. E, quatro anos mais tarde, foi a vez do Brasil. O esporte chegou junto com o grande momento da imigração japonesa.A arte marcial desenvolvida pelo japonês Jigoro Kano é formada por três princípios: a máxima eficiência com o mínimo de esforço, prosperidade e benefícios mútuos e o melhor uso da energia. Os praticantes do Judô, os judocas, são classificados entre Kiu e Dan. No primeiro caso, há uma graduação decrescente em oito níveis identificados pelas faixas branca, cinza, azul, amarela, laranja, verde, roxa e marrom. Já os dez níveis que integram o Dan são crescentes e representados por apenas três tipos de faixas, a preta, a vermelha e branca e a vermelha. O mais alto grau possível de se alcançar no Judô é o Judan, que corresponde à faixa vermelha de décimo Dan. Até hoje, apenas 15 homens no mundo conseguiram alcançar tal distinção. A evolução no Judô é baseada em exames que avaliam duração de tempo de treino, idade, caráter moral, execução de técnicas regulamentadas e comportamento nas competições.Os judocas usam um kimono que no Judô recebe o nome de judoqui, o qual é utilizado com um cinturão. Esses dois elementos formam todo o equipamento necessário para praticar a arte marcial em questão. O judoqui, especificamente, pode ser branco ou azul e é constituído por um casaco e uma calça. A técnica do Judô baseia-se em utilizar a força e o equilíbrio do adversário contra ele mesmo. Isso tornou o Judô um dos esportes mais praticados no mundo, com milhões de seguidores fieis. O Judô foi uma vitória de seu criador, que desenvolveu um esporte capaz de atender homens, mulheres, crianças e idosos, sem fazer restrição ao vigor físico.Fonte:http://cbj.dominiotemporario.com/2011app/site/index.php